Segunda, 15 de Julho de 2024
19°C 35°C
Palmas, TO
Publicidade

Mercado de Boi Gordo Mantém Preços Firmes e Apresenta Potencial de Alta em Julho de 2024

Exportações robustas e competitividade da carne bovina impulsionam expectativas positivas para o setor

08/07/2024 às 07h00
Por: Redação Fonte: Redação
Compartilhe:
Mercado de boi gordo em alta: Preços firmes e exportações crescentes beneficiam o setor
Mercado de boi gordo em alta: Preços firmes e exportações crescentes beneficiam o setor

Durante a semana, os preços do mercado de boi gordo se mantiveram firmes e, em algumas regiões, até aumentaram, nas principais áreas de comercialização do Brasil. Segundo o analista Fernando Iglesias, da Safras & Mercado, em estados como São Paulo, foram observados alguns negócios realizados acima do valor de referência média, com as escalas de abate continuando a apresentar prazos mais curtos.

Fernando Iglesias aponta que as condições para uma possível alta nos preços do boi gordo em julho de 2024 continuam favoráveis. Essa expectativa se baseia no atual cenário de oferta, aliado ao forte ritmo das exportações, com volumes significativos de carne bovina exportada em junho. Segundo ele, a flutuação cambial torna a exportação ainda mais atrativa, o que sugere um retorno do prêmio para animais que atendem aos requisitos de exportação.

Os preços da arroba do boi gordo nas principais praças foram os seguintes:

Continua após a publicidade
  • São Paulo (Capital): R$ 228 por arroba, estável em relação à semana anterior.
  • Goiás (Goiânia): R$ 215 por arroba, inalterado em comparação com o fechamento da semana passada.
  • Minas Gerais (Uberaba): R$ 215 por arroba, uma alta de 2,38% em relação aos R$ 210 praticados na semana anterior.
  • Mato Grosso do Sul (Dourados): R$ 215 por arroba, inalterado em comparação com a semana anterior.
  • Mato Grosso (Cuiabá): R$ 211 por arroba, um aumento de 0,48% em relação aos R$ 210 praticados na semana anterior.
  • Rondônia (Vilhena): R$ 183 por arroba, estável em relação à semana anterior.

Fernando Iglesias ressalta que o mercado atacadista registrou preços firmes ao longo da semana. O cenário de negócios ainda sugere a possibilidade de aumentos no curto prazo, especialmente devido à entrada dos salários na economia, o que incentiva a reposição de estoques entre atacado e varejo. Ele acrescenta que a carne bovina continua a ser altamente competitiva quando comparada a outras proteínas, especialmente em relação ao frango.

Os preços dos cortes de carne bovina se mantiveram estáveis: o quarto traseiro do boi permaneceu em R$ 17,00 por quilo, enquanto o quarto dianteiro teve um aumento, passando de R$ 12,50 para R$ 13,00 por quilo.

As exportações de carne bovina do Brasil, englobando produtos frescos, congelados ou refrigerados, resultaram em uma receita de US$ 860,110 milhões em junho, ao longo de 20 dias úteis, com uma média diária de US$ 43,005 milhões. O total exportado pelo país foi de 192,571 mil toneladas, com uma média diária de 9,628 mil toneladas, e o preço médio por tonelada foi de US$ 4.466,50.

Continua após a publicidade

Comparado a junho de 2023, houve uma redução de 11,7% no valor médio diário das exportações. A quantidade média diária exportada apresentou uma ligeira queda de 0,1%, e o preço médio por tonelada diminuiu em 11,6%.

Da redação Ponto Notícias

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Agronegócios
Sobre o blog/coluna
Atividades econômica conectadas à produção agrícola um importante pilar da economia brasileira.
Ver notícias
Palmas, TO
29°
Tempo limpo

Mín. 19° Máx. 35°

28° Sensação
4.63km/h Vento
35% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h31 Nascer do sol
06h06 Pôr do sol
Ter 35° 20°
Qua 35° 22°
Qui 36° 21°
Sex 37° 22°
Sáb 37° 22°
Atualizado às 12h04
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,44 +0,22%
Euro
R$ 5,93 +0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,02%
Bitcoin
R$ 366,619,99 +10,36%
Ibovespa
129,365,84 pts 0.36%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias